sexta-feira, 22 de dezembro de 2006

Esta noite vou-me drogar ainda mais, beber ainda mais e fumar ainda mais, porque me lembrei de vocês e custa-me saber que já não somos todos a mesma casa e já não sonhamos todos com as mesmas viagens.

Odeio estas saudades.

3 comentários:

Ruy de Villa Real disse...

essas saudades são a prova do crime, a prova do amor que não morre nem quer morrer, mas a prova de que deveríamos lutar e estamos parados. luta por quem amas e te encontrarás num higer place... como diria o breton : "viver e deixar de viver são ilusões. a existência está noutro lugar!"

nana disse...

"O que não te mata,faz-te mais forte!"

goht, the photograph partner disse...

ahah


esse é o nosso passado?
ou outro paralelo?